Menu

iPod nasceu com data para morrer, diz um de seus criadores

820_ipod1Não é surpresa para ninguém que a Apple está aos poucos, dando um fim em um de seus maiores sucessos: o iPod. Já havíamos falado sobre isso aqui e aqui.

E em uma recente entrevista ao site da revista Fast Company, Tony Fadell, um dos criadores do iPod e hoje funcionário do Google e criador da Nest, diz que o gadget nasceu com data para morrer. Bem, até aí nenhuma novidade, pois a questão de eliminar um produto do mercado é algo que acontece com frequência.

A diferença nisso tudo é que o iPod é mais que um produto. É uma categoria e mesmo com o tremendo sucesso, a Apple já sabia que o que tiraria o iPod do mercado seria o serviço de músicas via streaming, apelidado antes de “jukebox celestial”. Isso há 10 anos atrás.

Fadell diz ainda que não será somente o streaming que matará o iPod, pois aparelhos como smartphones e tablets têm uma grande parcela da “culpa” que irá determinar o fim do iPod.

Segundo ele, o grande diferencial para as criações que determinarão as novidades tecnologias no futuro estarão na inteligência artificial em não apenas um gadget qualquer, como temos hoje.

Fonte: Exame

Curta o Blog

, , , ,

Sem comentários ainda.

Deixe uma resposta